Lendo agora:
Guia de compras: Santiago
Leitura de 5minutos

Guia de compras: Santiago

Seguindo a linha dos guias de compra de Nova Iorque e Washington D.C., visitei recentemente Santiago, no Chile, e, é claro, que não deixei de conferir algumas lojas por lá.

Nós sabemos que na América do Sul infelizmente não encontramos tantas lojas quanto nos Estados Unidos e Europa, mas sabendo onde ir podemos achar coisas muito boas, e o melhor, baratas.

Chega de papo e vamos ao que interessa.

Bold

É uma rede de lojas especializada em sneakers. Visitei uma loja de rua e outra no Shopping Costanera. Por lá, você vai encontrar os lançamentos mais recentes das marcas: Nike, Jordan Brand, Reebok, adidas, Vans, Converse e Puma.

Os preços são mais baratos que no Brasil, mas em alguns modelos a diferença é mínima. O que vale bastante são os Vans. Lá os modelos Pro não se diferenciam da linha normal, portanto, você consegue comprar um modelo mais confortável pagando bem menos do que no Brasil. Um exemplo foram os Anaheim Factory, que por aqui estão sendo vendidos a R$349,99 e lá por apenas R$165.

Os produtos seguem a mesma linha do Brasil basicamente e o que chega por aqui encontra-se por lá mas não com a mesma variedade. No entanto, a linha de Jordans é bem limitada comparada ao mercado nacional.

Alta Vida

É uma loja independente que revende artigos vintage das marcas Polo Ralph Lauren, Tommy Hilfiger, Carhartt, entre outras. Eles também apoiam algumas marcas locais, como a Shelter. O mercado de streetwear chileno ainda é bem pequeno, por isso, lojas específicas iguais a Alta Vida são raridades.

Tive oportunidade de conhecer o dono, Pablo, trocamos muitas ideias sobre os mercados nacionais e sobre a importância desse intercâmbio entre as marcas e lojas da América Latina. Além de me ajudar em diversos aspectos da minha estadia, ele me indicou e me levou ao outlet La Fabrica que achei produtos bem mais em conta.

Por lá peguei duas camisetas da Shelter por R$80 cada. Se você curte tattoos e skate siga os caras, vale a pena. Se você for para Santiago, recomendo que visite a loja, prometo que não vai se arrepender.

Pablo, muchas gracias hermano. Te espero aquí.

Block

A Blockstore é mais uma opção para quem quer achar sneakers. A linha de produtos é bem GR, mas não encontrei nenhum modelo diferenciado ou mais limitado. Por lá rola bastante New Balance, DC, Lakai, Supra e Vans, novamente.

Os valores seguem a mesma linha das outras lojas. Com um pouco de paciência, bom olhar e calculadora para converter o dinheiro, você vai conseguir boas aquisições.

The Lab

A loja revende basicamente produtos da Oakley e também trabalham com marcas licenciadas (tem o direito de reproduzir as estampas) como Independent e Santa Cruz. A loja do Shopping Costanera é bem mais ou menos e os produtos licenciados tem cara de inferior comparado aos americanos.

Na verdade, a The Lab também tem uma loja em um dos outlets de Santiago, o La Fabrica. Por lá, a parte de tênis estava com uns preços bem legais mas havia pouca numeração. Isso porque a grande parte dos chilenos calçam 40 ou 41, portanto, quando chegam as lojas logo acabam.

Entre alguns Janoskis encontrei um Vans Av Classic Pro, que como disse não sairia por menos de R$300 se fosse no Brasil. Por ser o último par paguei apenas R$95.

Street Machine

Também é uma das lojas que possui filial no mesmo outlet, mas a primeira que visitei foi a do Shopping Costanera. Duas marcas se destacam no catálogo de produtos deles, Brixton e Herschel Supply Co. Gosto bastante da Brixton e encontrar produtos dela sem ser em uma loja americana foi legal.

Comprei uma jaqueta impermeável e um moletom básico de zíper. Paguei R$285 em cada um, considerando uma viagem até os EUA e o dólar até que valeu a pena, mas claro, não foram as coisas mais baratas do mundo.

As mochilas e malas da Herschel são bem mais baratas do que no Brasil, até com preço cheio. Os modelos mais top custavam no máximo R$300, enquanto por aqui chegam a custar o dobro.

A convite de Pablo fomos a loja do outlet e lá encontrei verdadeiras pechinchas. Comprei uma mochila Heritage por R$145 e uma bolsa Pender Sleeve por R$48.

CONSIDERAÇÕES FINAIS

A impressão que tive é que em muitas lojas comuns eles vendem os produtos sem saber o real valor de mercado deles. Santiago pode ser um bom local para compras, porém não vá achando que as coisas são muito baratas por conta da desvalorização do peso chileno.

Deixe um comentário

Input your search keywords and press Enter.
Do NOT follow this link or you will be banned from the site!