Lendo agora:
Off-White não quer que ninguém use tags vermelhas e palavras entre aspas
Leitura de 4 minutos

Off-White não quer que ninguém use tags vermelhas e palavras entre aspas

728x90 3 - Off-White não quer que ninguém use tags vermelhas e palavras entre aspas
off white copia marcas e logos 00 - Off-White não quer que ninguém use tags vermelhas e palavras entre aspas

Hypebeast/Reprodução

A Off-White, marca comandada por Virgil Abloh (o “gênio” do streetwear atualmente), entrou com um processo na corte federal de Los Angeles contra a companhia de acessórios Rastaclat.

Protocolada nesta segunda feira (29/03), a ação tenta culpar a Rastaclat pelo uso da tag vermelha e também por ter usado a palavra ‘shoelaces’ entre aspas. Sob o nome de ‘Off-Clat’, os braceletes estão sendo vendidos por $18 dólares em lojas como Zumiez, Finish Line e Amazon.

off white copia marcas e logos 01 - Off-White não quer que ninguém use tags vermelhas e palavras entre aspas

Imagem anexada ao processo

A Off-White alega que o acessório viola “direitos exclusivos”, que a marca diz pertencer a eles. Porém não existe nenhum registro federal aprovado que mostra, que tanto a tag vermelha quanto as palavras entre aspas, são marcas registradas da Off-White. Uma tentativa anterior da marca já foi rejeitada pela U.S. Patent and Trademark Office (“USPTO”), que considerou que esse tipo de lacre e o uso das aspas são elementos de uso comum, logo não há como registrar o material como sendo de uso exclusivo de uma marca.

Ainda segundo a Off-White, em um esforço ridículo de embasar o processo, os braceletes da Rastaclat estariam “confundindo os consumidores, fazendo eles crerem que seriam produtos da Off-White”, logo isso seria considerado violação dos diretos da marca e uma competição injusta. O caso contra a Rastaclat se une a diversos outros abertos pela marca de Abloh.

O mais interessante dessa história é que Virgil construiu sua carreira dentro do streetwear copiando descaradamente marcas e logos. Chega a ser irônico ele querer patentear esse tipo de coisa sendo que seus produtos carregam elementos criados por terceiros. Você pode achar que é apenas recalque mas existem diversas provas que confirmam tal afirmação.

A primeira delas é o antigo logo do Aeroporto de Glasgow, desenhado pela designer britânica Margaret Calvert.

off white copia marcas e logos 02 - Off-White não quer que ninguém use tags vermelhas e palavras entre aspas

Acho que quem copiou o Virgil foi a Margaret hein!

Outra marca afetada foi a Gramm, que teve seu logo copiado descaradamente por Abloh.

off white copia marcas e logos 03 - Off-White não quer que ninguém use tags vermelhas e palavras entre aspas

Que original hein Sr. Abloh

Mas se engana quem acha que essa “arte” de copiar só fica restrita a logos e marcas antigas, que poucos conhecem.

A designer de joias americana Tanaya Henry, conhecida por desenhar para os famosos de Hollywood, também teve sua criação copiada. Mas ela não deixou barato e postou em seu twitter a incrível semelhança de seu colar de cerâmica branca com o do lançado pela Off-White.

off white copia marcas e logos 05 - Off-White não quer que ninguém use tags vermelhas e palavras entre aspas

Tenaya descendo a lenha em Virgil

Em seu segundo desfile como diretor criativo da Louis Vuitton, Abloh atacou novamente, copiando na cara larga a estética lançada pela marca Colrs, em 2018.

off white copia marcas e logos 04 - Off-White não quer que ninguém use tags vermelhas e palavras entre aspas

Esquerda e centro: Desfile Fall/Winter 2018 da Corls / Direta: Desfile Fall/Winter 2019 da Off-White

FRESHJIVE

O processo da marca para tentar patentear a tag e as aspas gerou repercussão de um dos OGs do streetwear americano. Rick Klotz, fundador da Freshjive (marca que viveu seu prestígio dentro da cena nos anos 1990), fez questão de não apenas comentar mas de lançar uma camiseta metendo bronca no acontecido.

Klotz se sentiu indignado com a situação e aproveitou para criar uma camiseta usando a tag vermelha e um grande FUCK OFF entre aspas. Acho que Virgil não vai curtir muito esse modelo rs.

As apropriações infinitas de Virgil, também citadas no texto da revista GARAGE, nos fazem refletir se realmente o designer é tão genial quanto a mídia tenta nos vender. Talvez ele tenha chegado aonde chegou por conta da influência de seus amigos e de pessoas do meio e não por seu trabalho como designer.

Eu nunca acreditei que Virgil Abloh era tudo isso porque já li diversas vezes que ele vem copiando coisas desde a fundação da Pyrex, sua antiga marca antes da Off-White. A verdade está aí e basta uma breve pesquisa para descobrir que ele é um cara inteligente e que sabe vender ideias, mas que seu trabalho como designer é uma farsa.

Quem se faz em cima de terceiros, copiando e se apropriando de elementos de seus trabalhos originais, não deveria merecer nenhum crédito.

Virgil, você pode enganar muita gente endinheirada meu caro mas você não me engana não.

9060 570135 - Off-White não quer que ninguém use tags vermelhas e palavras entre aspas
Input your search keywords and press Enter.
Do NOT follow this link or you will be banned from the site!